Inferno uma realidade imutável

TEXTO: Lucas 16:19-31

TEMA: INFERNO UMA REALIDADE IMUTÁVEL

Nós não escutamos muitos sermões sobre essa imutável realidade o inferno , principalmente nos dias de hoje que tentam suavizar o evangelho, dias do politicamente correto, dias do evangelho de flores sem espinhos, dias onde o evangelho em muitos lugares é centrado no homem e não em Cristo, muitos tentam de todas as formas apagar o inferno da bíblia, vou falar desse tema não para gerar medo e sim temor, gerar um senso de urgência, estamos nas ultimas horas e em breve o Rei dos reis retornará.

(Atos 1:9-11) Tendo ele dito estas coisas, foi levado para cima, enquanto eles olhavam, e uma nuvem o recebeu, ocultando-o a seus olhos. Estando eles com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia, eis que junto deles apareceram dois varões vestidos de branco, os quais lhes disseram: Varões galileus, por que ficais aí olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi elevado para o céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir.

Os sinais apontam que a volta de Jesus está próxima, “Não encare os alertas e os sinais da volta de Cristo despreocupadamente”, diz Billy Graham

E muitas pessoas estão vivendo como se Jesus nunca fosse voltar, ou como se nunca fosse morrer, e muitos estão esquecendo que existe dois destinos eternos para todo ser humano que é o céu ou o inferno. E outros ignoram toda o assunto. Não querem saber.

Estão preocupados com suas vidas e muitos dentro da igreja estão só preocupados com sua prosperidade.

E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem. Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca, E não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do homem. Mateus 24:37-39

Essa realidade é tanto para os que estão fora do caminho, quanto para aqueles que estão no caminho. Estão na igreja.

A Palavra de Deus ensina e nos alerta sobre a realidade do inferno:

PRECISAMOS ENTENDER TRÊS COISAS QUE O SENHOR JESUS NOS ENSINOU SOBRE O INFERNO.

  1. QUE O INFERNO É UM LUGAR REAL:

“E se a tua mão te fizer tropeçar, corta-a; melhor é entrares na vida aleijado, do que, tendo duas mãos, ires para o inferno, para o fogo que nunca se apaga”. (Marcos 9.43).

“E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno a alma e o corpo” (Mt 10.28).

A palavra diz claramente que o inferno é uma realidade imutável, mais muitos hoje em dia não acreditam na realidade do inferno. Existem grupos religiosos e filosóficos que não pregam essa realidade Bíblica e anegam.

Eu vou citar brevemente três exemplos.

  1. Reencarnação – tem sido a visão mais popular. Os que ensinam essa concepção nos dizem que temos múltiplas e sucessivas vidas. No túmulo de Alan Kardec tem o seguinte lema: “Nascer, morrer, renascer e progredir sempre; está é a lei”.

A palavra de Deus não ensina reencarnação. Antes, ela diz: “E, como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo depois o juízo” (Hebreus 9.27).

  1. Purgatório – É a doutrina ensinada pelo Catolicismo Romano. O que ela ensina? Catecismo diz: “após a sua morte, por uma purificação, a fim de obterem a santidade necessária para entrarem na alegria do céu”

Não há menção de purgatório nos 66 livros da Bíblia, a palavra nos ensina que só há dois caminhos após a morte o céu ou inferno.

  1. Universalista/universalismo/salvação universal Alguns contemporâneos nossos tem adotado essa visão CUIDADO, Dizem que todas as religiões conduzem a Deus e que todos os homens eventualmente irão para o Céu com o Senhor, independente se crerão em Jesus ou não, Porém, não é isso que a palavra nos ensina.

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16).

Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. (João 14.6).

Ele é a pedra que foi rejeitada por vós, os edificadores, a qual foi posta como pedra angular. E em nenhum outro há salvação; porque debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, em que devamos ser salvos. (Atos 4.11-12).

Essa visão está dentro de muitas igrejas e estão fazendo filmes para convencer as pessoas, muitas pessoas acabam caindo nesse engano. Jesus nos alertou que se levantariam falsos mestres.

Essa visão trás um certo alivio, é bom saber que ninguém vai para o inferno. E por trazer alivio muitas acabam caindo nesse engano.

Essa visão tira o senso da urgência de anunciar o evangelho.

E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura. Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado. Marcos 16:15,16

  1. É UM LUGAR DE ETERNO SOFRIMENTO, PERMANENTE SOFRIMENTO:

“Seres lançado no inferno, no fogo que nunca se apaga,” (Mc 9.43).

“E lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá pranto e ranger de dentes”. (Mt 13:50).

“E, clamando, disse: Pai Abraão, tem misericórdia de mim, e manda a Lázaro, que molhe na água a ponta do seu dedo e me refresque a língua, porque estou atormentado nesta chama”. (Lc 16.24).

“Muitos dizem: “É melhor estar no inferno com os amigos do que no céu com os hipócritas”. “Mas não se esqueça que não haverá amigos no inferno, nem hipócritas no céu.” John Piper.

  • QUE O INFERNO NÃO FOI CRIADO PARA O HOMEM:

“Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos”; (Mt 25:41).

Porém aqueles viverem impiamente e rejeitarem o Senhor Jesus e o amor de Deus infelizmente terão a mesma eternidade. Os ímpios serão lançados no inferno, e todas as nações que se esquecem de Deus. (Sl 9.17).

E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna. (Mt 25.46).

Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. João 3:17,18

Deus não veio para condenar o homem mas sim para resgatar salvar…

“Se alguém ouve as minhas palavras, e não as guarda, eu não o julgo. Pois não vim para julgar o mundo, mas para salvá-lo. Há um juiz para quem me rejeita e não aceita as minhas palavras; a própria palavra que proferi o condenará no último dia. João 12:47,48

“Você pode ter sido batizado na igreja, criado na igreja, servido na igreja. Pode ser que tenha se casado na igreja, morrido na igreja, ter sido velado na igreja e ainda assim acordar no inferno caso esteja meramente na igreja e não em Cristo.” Mark Driscoll.

Quero falar sobre a outra realidade imutável o céu.

  1. NO CÉU A MUITAS MORADAS E É PRÓPRIO SENHOR JESUS QUE ESTÁ PREPARANDO TUDO.

Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. (João 14:1-3)

Você nunca mais vai precisar se mudar, você vai ter sua morada eterna.

O que mais a palavra nos ensina sobre o céu.

Ele enxugará dos seus olhos toda lágrima. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor, pois a antiga ordem já passou”. Não haverá mais morte. (Apocalipse 21.4)

Não haverá lagrimas elas serão enxugadas dos seus olhos. Você nunca mais vai precisar de lenço.

  1. Não haverá choro. Não haverá motivos para chorar só motivo de jubilo e regozijo
  2. Não haverá mais morte. Você nunca mais vai ver um caixão, nunca mais vai ir em um funeral, nunca mais ouvirá falar de morte.
  3. Não haverá tristeza. Você nunca mais ficará triste, desanimado, pois lá não existe tristeza e nem desanimo só alegria e animo pois: Há um rio cujas correntes alegram a cidade de Deus, o lugar santo das moradas do Altíssimo. Salmos 46:4
  4. Não haverá dor. Não haverá mais nenhum tipo de dor.
  5. Quando formos para o céu o nosso corpo será transformado.

Num momento, num abrir e fechar de olhos, ao som da última trombeta. Pois a trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis e nós seremos transformados. Pois é necessário que aquilo que é corruptível se revista de incorruptibilidade, e aquilo que é mortal, se revista de imortalidade. (1 Coríntios 15:52-53)

Conclusão: O apostolo Paulo nos diz em II CO 12 sobre uma experiência que ele teve de ser arrebatado até o terceiro céu ao paraíso, Paulo diz ouviu e também creio que viu coisas inefáveis que não a linguagem para descrever, nem se ele quisesse falar sobre o que ouviu e viu ele não acharia palavras.

Seja o quê for Que Paulo tenha visto no Céu isso o impactou de tal maneira, que para o resto da vida ele quis ardentemente estar lá. Somos peregrinos nesse terra.

Pr. Tiago M. Penha

Anterior

Próxima

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *